A INTELIGÊNCIA DOS LAGOS COMO FORÇA DE CONEXÃO COM A NATUREZA !


Se quer aprender algo sobre o mundo em que vive, mergulhe em um lago.

A inteligência dos lagos como força de conexão com a natureza!

Lagos são muito mais do que olhos podem ver e do que a imaginação é capaz de prover.

Estes grandes espelhos emitem uma fantástica inteligência iluminada pela natureza:
  • Por meio de seu espelho refletivo, aprendem com o sol, durante o dia; e com as estrelas à noite;
  • Produzem argilas medicinais com alto potencial de bioeletricidade para ativação dos canais bioenegéticos corporais.
  • Conectam diversos registros de linhagens humanas que já banharam dentro de si. Ao captar cada sabedoria, reúne toda a ancestralidade dos antepassados e muita criatividade do nosso presente;

Há 4,6 bilhões de anos, a mesma quantidade de água circula neste Planeta.

Se você não sabe... As águas são elementos que se reciclam com intensa capacidade de memória. Nelas, estão os registros de todas as informações vivas da Mãe-Terra. Sim, a água sabe de tudo!

A humildade de um lago faz com que este coloque-se abaixo da superfície do seu entorno. Esse gesto faz com que acumulem bioinformações que chegam por todos os cantos, de forma espontânea...

Lagos são berços das águas que refletem a memória da vida! O formato côncavo facilita armazenar aprendizagens espontâneas liberadas por toda parte. Isso significa dizer que os lagos são a própria Universidade da natureza.



Que tipo de informações um lago é capaz de registrar? 
Não seríamos capazes de dizer tudo aqui... Mas, seguem umas possibilidades bem lindas!

A sabedoria das estrelas que são refletidas no lago


Sim, as estrelas refletem-se no lago à noite como em um espelho. E quando presenciamos este momento, as estrelas refletem em nossos olhos e nos tornamos UM. Todas as informações do Universo tornam-se acessíveis quando nos sentimos como uma partícula dele.

Os lagos são como olhos do chão. Admiram nuvens e estrelas. Utilizam a memória da água para registrar o que o céu tem a dizer... 

O Universo alegra-se quando o ser humano se sente uma partícula do Todo e está pronto para servir e tornar realidade o que é intuído nesta comunicação.

Argila medicinal que mora no lago


A argila que mora no lago é uma anciã.
Lago são espelhos de água serena que possuem paredes de lama tão antigas quanto uma bisavó.

Como a argila é um material catalizador das forças de todos os outros elementos que interagem com o lago, chega até nós com uma linda energia medicinal e um grande potencial curativo. Conversou com a chuva, o céu e as estrelas que o lago reflete em seu dia-a-dia.

É uma argila que conhece a organização cíclica. Tanto da vida aquática, quanto do espelho refletido do céu, em um potencial milenar de comunicação. 

Conexão com a nossa ancestralidade


A água da vida contém em si toda a informação sobre a co-criação da nossa espécie.


Em cada célula viva existem dezenas de milhares de moléculas de água, que funcionam como condutoras fundamentais de informações vivas e realizam essa função com mestria, desde que o mundo é mundo...

Se considerarmos o ciclo da água e o tempo em que ele já se desdobra neste Planeta, com uma quantidade finita, perceberemos a Unidade através do tempo e do espaço. Nesse caso, um portal de comunicação com os antepassados mais remotos.

Afinal, lembre-se de que o seu corpo é formado em grande parte por água. Em adultos com idade mediana, cerca de 75%... Considerada a capacidade de registro e armazenamento pela água, pense na diversidade de Seres humanos que ela já auxiliou a produzir, tendo em seu corpo penetrado para perfazer seu ciclo.
Por isso, a água de um lago pode sentir e reagir às emoções humanas. Ela conhece o passado de todas as pessoas. Nela, existe informação sobre todos e sobre tudo o que alguma vez sucedeu no Universo. 

O lago reúne em um único lugar, uma enorme quantidade de pensamentos e sentimentos que o ser humano já produziu. 

Quando pensamos no centro do lago, a água pensa conosco. Ela sabe de muita coisa e nos ensina, porque ela está em toda a parte.

Como a água armazena bioinformações?


A água atua como condutor fundamental de uma frequência característica. Ela se organiza para formar um padrão, no qual as informações podem ser registradas.

A comunicação acontece por meio da emissão de ondas eletromagnéticas. Para tanto, basta a simples sintonia originada pelo som, pela intenção ou pela própria vibração.

Os comprimentos de onda individuais de cada molécula de água se tornam “informados” na presença de outras moléculas – ou seja, tendem a se polarizar ao redor de qualquer molécula carregada – armazenando e transportando determinada frequência, para que esta possa ser lida. Isso ocorre em todos os processos biológicos.

É como um rádio sintonizando uma certa estação... A frequência das moléculas de água entram em sintonia, mesmo ao longo de grandes distâncias. Quando combinadas com determinado receptor, inicia a ressonância, ou seja, a vibração de um corpo é reforçada pela vibração de outro na mesma frequência ou em uma frequência próxima. 

Isso significa, que a água é um gravador, armazenando e conduzindo informações. Independente de a molécula original estar presente, ou não. Nesse caso, além de enviar o sinal, ela também o amplifica.

Lagos são uma reunião de conhecimento. Casa de água é sabedoria.
Uma verdadeira biblioteca viva!!!

O sonho deles é voar, qualquer dia! E isso, eles hão de fazer! Porque toda água é cíclica e evapora para chover em algum lugar...

Enquanto isso não acontece, MERGULHE!!!

Porque, de verdade, isso é Alimento Vivo!!

Com carinho,

Aline Chaves
Educadora para sustentabilidade

Inspirações:

- Megre, Vladimir. Anastácia. Tradução integral do Russo por Ana Mouga. Editora Joanne Gribler.

- McTaggart, Lynne. O Campo. Em Busca da Força Secreta do Universo. Tradução de Claudia Gerpe Duarte. Editora Rocco. 2002.

- Os dois lagos vivos que moram no quintal aqui de casa. rs

Fonte:http://panelasdecapim.blogspot.com.br/search/label/Agricultura%20Intuitiva#.WGFfifkrKUk

Postagens mais visitadas deste blog

JARDIM VERTICAL : PAREDES VIVAS,COMO SOLUÇÃO PARA OS TEMPOS MODERNOS

PLANTAS COMPANHEIRAS E PLANTAS ANTAGÔNICAS : ALELOPATIA

XINGU : O PARQUE NACIONAL INDÍGENA DO XINGU