"HOMEM-ÁRVORE",PACIENTE COM DOENÇA RARA DESENVOLVE "CASCAS" NAS MÃOS E PÉS

"Homem-árvore”, paciente com doença rara desenvolve “cascas” nas mãos e pés

2 de fevereiro de 2016

Médicos de Bangladesh se depararam com um caso incomum nesta última segunda-feira (1º). A equipe do Hospital Universitário de Daca está se preparando para operar Abul Bajandar, que desenvolveu verrugas com a aparência de cascas de árvores nas mãos e nos pés.
Conhecida como “doença do homem-árvore”, a condição é raríssima, segundo o coordenador do setor de cirurgia plástica do local, Samanta Lal Sen, em entrevista à agência EFE.
A anormalidade começou a surgir há 10 anos aos poucos. Hoje com 26 anos, Abul é incapaz de usar seus pés e mãos para trabalhar na aldeia onde vive na cidade de Khulna. Ele foi internado no último sábado (30) e aguarda para saber se será operado. 
“Trata-se de uma epidermodisplasia verruciforme, doença rara não contagiosa da qual conhecemos poucos casos no mundo. Nunca tinha visto uma coisa igual”, disse o especialista. Médicos farão análises durante as próximas semanas para avaliar se realmente é possível operar o paciente. 

“A priori, não existe cura para a doença. Nosso objetivo é proporcionar um alívio ao paciente, melhorar sua condição e tentar conseguir com que suas mãos e pés voltem a ser funcionais”, disse o médico. Entretanto, há a chance de as verrugas voltarem com o tempo. 
O rapaz é casado e tem uma filha de três anos, que sustentava com seu trabalho de motorista. Depois de perder as mãos para a anomalia, ele saiu do emprego e agora pede esmolas na rua. 
“Preciso de ajuda para todas as minhas atividades diárias, inclusive comer e tomar banho. O peso das verrugas faz com que meus braços cedam e a dor aumenta quando tento me movimentar”, explicou Abu ao jornal “The Daily Star".

Fonte:https://br.noticias.yahoo.com/homem-%C3%A1rvore-paciente-com-doen%C3%A7a-rara-144241659.html

Postagens mais visitadas deste blog

JARDIM VERTICAL : PAREDES VIVAS,COMO SOLUÇÃO PARA OS TEMPOS MODERNOS

PLANTAS COMPANHEIRAS E PLANTAS ANTAGÔNICAS : ALELOPATIA

XINGU : O PARQUE NACIONAL INDÍGENA DO XINGU